Num dia, brincas com os amigos e és feliz.
Depois, de repente, ela aí está
a doença, o sofrimento.
Sem sequer te aperceberes, és atirado para um mundo
que não parece teu.
Tudo parece impossível,
crês que estas coisas só acontecem nos filmes.
Finalmente, voltas para casa: o Senhor é grande, que alegria!
Pensas que estás curado mas, pouco depois, vês-te de novo a sofrer.
Não consegues acreditar. Pensas que tudo vai desabar em cima de ti.
Inesperadamente, numa tarde que terias definido de comum,
que terias desperdiçado, como de costume, a lamentar-te,
encontras um humilde sacerdote, simples mas sábio.
Sob a sua direção agarras-te de novo a Deus; reencontras a alergia, a esperança.
Voltas a casa, aos parentes e amigos, e tudo decorre esplendidamente, cada vez melhor.
Os médicos não conseguem explicar as melhoras;
mas tu, pelo contrário, sabes a razão e ris…
Quererias gritar ao mundo que farias tudo pelo teu Salvador,
que estás preparado para sofrer pela salvação das almas, para morrer por Ele.
Encontrarás maneira de lhe demonstrar o teu amor…
Matteo Farina

No! No, non arrenderti, affidati a Dio